Últimas Notícias
Geral
Tumulto em presídio deixa 12 presos feridos em Minas Gerais

Por Agência Brasil

Crédito: Gazeta de Piracicaba

Um tumulto, provocado por um preso que ateou fogo em um colchão, deixou 12 detentos feridos, no Presídio Inspetor José Martinho Drumond, em Ribeirão das Neves (MG). As informações foram divulgadas, nesta quinta-feira (4), pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), por meio do Departamento Penitenciário de Minas Gerais (Depen-MG).

“Apesar da imediata ação de contenção por parte dos policiais penais, as chamas se alastraram rapidamente em virtude do vento, causando mal aos demais 17 ocupantes da cela em que ele se encontrava. Os presos inalaram fumaça e outros sofreram queimaduras. No momento da ocorrência, 18 presos estavam na cela atingida pelo fogo”, informou o Depen em nota.

De acordo com o departamento, 12 presos foram encaminhados para hospitais de Belo Horizonte e de Ribeirão das Neves, por inalação de fumaça ou queimaduras. Entre os que sofreram queimaduras, cinco foram transportados de forma aérea, pois os casos são mais graves. Os detentos restantes foram atendidos pela equipe médica da própria unidade prisional.

O Depen ressaltou na nota que a ocorrência não se trata de uma rebelião e a ação já está controlada no interior da unidade prisional. A direção do presídio vai instaurar um procedimento interno de investigação para apurar administrativamente o fato. Nenhum servidor foi atingido.