Últimas Notícias
Esportes
Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

Por Agência Brasil

Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

Crédito: Divulgação/Internet

Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

A Confederação Brasileira de Judô (CBJ) anunciou no início da tarde desta quarta-feira (16) os 13 nomes que irão representar o Brasil na Olímpíada de Tóquio Japão). A única das 14 categorias de peso brasileiros é a leve feminino (até 57quilos) - a atual campeã Rafaela Silva esta suspensa por doping

Sete judocas estrearão nos Jogos na edição de Tóquio, três a mais em relação à Rio 2016:  Eric Takabatake (60kg), Daniel Cargnin (66kg), Eduardo Katsuhiro (73kg), Eduardo Yudy (81kg), Rafael Macedo (90kg), Gabriela Chibana (46kg) e Larissa Pimenta (52kg).

Por outro lado, o país diminuiu a quantidade de cabeças de chave. Há cinco anos foram seis atletas e em Tóquio 2020 serão cinco: Rafael Silva (+100kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg) e Maria Suelen Altheman (+78kg).

O único atleta que não ingressou por meio do ranking foi Eduardo Katsuhiro, do peso leve (73kg), classificado pela cota continental das Américas.

A equipe brasileira embarcará para o Japão em dois grupos. O primeiro viaja no dia 5 de julho e o grupo restante segue para a Ásia no dia 13 de julho. A delegação brasileira ficará sediada na cidade de Hamamatsu. As lutas do judô em Tóquio 2020 ocorrerão de 24 a 31 de julho.

(js, fjs); }(document, 'script', 'facebook-jssdk')); Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio
Últimas Notícias
Esportes
Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

Por Agência Brasil

Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

Crédito: Divulgação/Internet

Delegação brasileira de judô terá 13 atletas na Olimpíada de Tóquio

A Confederação Brasileira de Judô (CBJ) anunciou no início da tarde desta quarta-feira (16) os 13 nomes que irão representar o Brasil na Olímpíada de Tóquio Japão). A única das 14 categorias de peso brasileiros é a leve feminino (até 57quilos) - a atual campeã Rafaela Silva esta suspensa por doping

Sete judocas estrearão nos Jogos na edição de Tóquio, três a mais em relação à Rio 2016:  Eric Takabatake (60kg), Daniel Cargnin (66kg), Eduardo Katsuhiro (73kg), Eduardo Yudy (81kg), Rafael Macedo (90kg), Gabriela Chibana (46kg) e Larissa Pimenta (52kg).

Por outro lado, o país diminuiu a quantidade de cabeças de chave. Há cinco anos foram seis atletas e em Tóquio 2020 serão cinco: Rafael Silva (+100kg), Ketleyn Quadros (63kg), Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg) e Maria Suelen Altheman (+78kg).

O único atleta que não ingressou por meio do ranking foi Eduardo Katsuhiro, do peso leve (73kg), classificado pela cota continental das Américas.

A equipe brasileira embarcará para o Japão em dois grupos. O primeiro viaja no dia 5 de julho e o grupo restante segue para a Ásia no dia 13 de julho. A delegação brasileira ficará sediada na cidade de Hamamatsu. As lutas do judô em Tóquio 2020 ocorrerão de 24 a 31 de julho.