Últimas Notícias
Saúde
Rio teve queda de óbitos por covid-19 em maio, aponta mapa

Por Agência Brasil

Militares trabalham na desinfecção da estátua do Cristo Redentor antes de sua reabertura em meio ao surto da doença do coronavírus (COVID-19), no Rio de Janeiro, Brasil, 13 de agosto de 2020. REUTERS / Ricardo Moraes

Crédito: REUTERS / Ricardo Moraes

Militares trabalham na desinfecção da estátua do Cristo Redentor antes de sua reabertura em meio ao surto da doença do coronavírus (COVID-19), no Rio de Janeiro, Brasil, 13 de agosto de 2020. REUTERS / Ricardo Moraes

O estado do Rio de Janeiro registrou queda no número de óbitos por covid-19 na 20ª semana epidemiológica do ano, compreendida entre os dias 16 e 22 de maio. As mortes caíram 25% em relação à 18ª semana epidemiológica, que vai de 02 a 08 de maio.

Na comparação com os dois períodos, também houve redução de internações por síndrome respiratória aguda grave (SRAG), complicação cuja alta incidência desde o ano passado é decorrente da covid-19. A ocupação de leitos caiu 21%.

Os dados constam no novo mapa de risco divulgado hoje (11) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-RJ). Diante dos números, a pasta manteve a bandeira laranja, que significa risco moderado.

Também não houve alteração na classificação de nenhuma região. Apenas o Norte Fluminense se situa na bandeira amarela, com baixo risco. As outras oito regiões registram risco moderado ou alto. A região metropolitana I, que abrange a capital e a Baixada Fluminense, está classificada na bandeira vermelha, com risco alto.

O mapa é usado para auxiliar os gestores públicos na tomada de decisão e serve de referência para a adoção de medidas restritivas. Segundo a SES-RJ, em todo o estado, estão ocupados 83% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 56% dos leitos de enfermaria.