Últimas Notícias
Policial cozinheiro
Do quartel à cozinha
Nelson Moraes Souza Junior, o Cabo Nérso, é também youtuber gastronômico

Por Ana Cristina Andrade

 A Gazeta foi recebida na casa dele para acompanhar a gravação de um vídeo

Crédito: Mateus Medeiros

A Gazeta foi recebida na casa dele para acompanhar a gravação de um vídeo

Se alguém perguntar quem é Nelson Moraes Souza Junior, talvez, pareça só mais um nome comum. Agora, se a pergunta for quem é o "Cabo Nérso", ainda mais no local de trabalho, muita gente deve responder que é um policial militar alegre, querido, principalmente no ambiente de trabalho, e que cozinha muito bem.

Além disso, tem tanta disposição e empolgação que já criou até um canal no YouTube, onde ensina as receitas de família - está como “Cabo Nérso” mesmo. O Nelson pai de família, que se mantém alinhado dentro da farda que ostenta há 22 anos na Polícia Militar, quando não está de serviço no Quartel, veste uma roupa de Chef de Cozinha e se transforma.

O fardamento sai de cena e dá lugar a um avental e uma touca personalizados. Na última quarta-feira (22), a Gazeta foi recebida na casa dele para acompanhar a gravação de mais um vídeo e saborear um lombo recheado com farofa de banana.

É, segundo ele, uma ótima sugestão para o almoço de Natal ou ainda para qualquer outra ocasião. Enquanto gravava o vídeo mostrando passo a passo a receita, entre uma pausa e outra, o cabo da Polícia Militar ia contando sua história.

Disse que, desde pequeno, frequentava as casas de suas avós - uma morava em Torrinha e outra em Brotas, cidades do interior paulista. Segundo Nérso, ele pedia às duas para lhe ensinarem a fazer comida.

Vendo seu interesse, elas passaram seus conhecimentos para o neto que iniciou, no fogão, aos nove anos de idade. Dos 22 anos em que trabalha na sede do CPI-9 (Comando de Policiamento do Interior Nove), dez anos ele cozinhou para 160 pessoas que trabalham na unidade policial.

Só parou, de acordo com ele, porque a cozinha foi terceirizada - por causa da Escola de Formação de Soldados.

Por que a Polícia Militar? Cabo Nérso disse que servir na corporação está no sangue. "Meu avô paterno, meus tios, meu pai, todos eram militares. Como vivia mais no Quartel do que em casa, eu não me via em outra profissão. Inclusive, quando entrei na corporação, nada foi novidade para mim", contou.

Início no YouTube

O policial cozinheiro disse que faz parte de um grupo de policiais militares veteranos, no WatsApp, e até pensava em criar seu próprio grupo para compartilhar suas receitas.

Certo dia, numa brincadeira entre amigos, fez um pudim, gravou a produção e colocou para apreciação dos veteranos. O sucesso foi tanto que outro PM aposentado, sargento Padovan, o estimulou a criar um canal no YouTube e ensinar suas receitas.

Ele deu início e já tem mais de 3.100 inscritos. "Meu maior desejo é cursar uma escola de gastronomia. Espero realizar esse sonho", declarou.

Nérso tem uma página no Facebook - está como Nelson Moraes. De vez em quando, ele promove sorteios entre seus seguidores. Até quinta-feira (23) ele tinha 4.999 amigos.

Gravações em casa

Cabo Nérso não possui um estúdio para executar suas receitas. Ele faz tudo na cozinha de sua casa. Sua esposa Lucineia dos Santos Moraes Souza, a Neia, é quem corta legumes e já deixa tudo preparado sobre a mesa para ele apenas "colocar a mão na massa".

Ao iniciar a gravação, feita pelo sargento Antonio Celso Antunes, e na quarta-feira ainda contou com apoio do militar aposentado Gandelini, enquanto saudava seus seguidores, Nérso iniciava a receita do dia cumprimentando, também, em libras.

Após edição do vídeo, antes de publicar, ele irá enviar para uma pessoa em São Paulo, Fabiana Godoy, que vai atuar em toda a gravação, também em libras.

“Os surdos também gostam de cozinhar. Por isso, pensei em gravar todos os vídeos com libras”, destaca Nérso.

Maos à obra

Iniciada a preparação do prato, o PM pega uma peça de lombo com cerca de 2,8 quilos e, usando uma faca bem afiada, abre a carne sobre uma tábua de madeira.

Ainda com a faca, ele faz pequenos cortes na peça para que o tempero penetre bem. Numa tigela, mistura azeite, alho picado, chamichurri, orégano, sal e pimenta-do-reino a gosto.

Em seguida, espalha esse tempero sobre o lombo. Na sequência, o militar acomoda fatias de queijo provolone sobre a carne (pode ser também o queijo da preferência). Em seguida, são espalhados 250 gramas de tiras de bacon fritas, azeitonas verdes picadas a gosto, cheiro verde e ele fecha o lombo como se fosse um rocambole.

Com barbante, Cabo Nérso amarra bem a peça de carne, coloca-a numa refratária untada com azeite, ajeita a carne e espalha sobre ela uma mistura à base de canela em pó, molho inglês, açúcar mascavo e catchup.

"Além de a carne ficar mais saborosa, essa mistura a deixa mais dourada", explica. O lombo vai no forno, numa temperatura a 180 graus, e em uma hora e meia já está pronto.

Nérso retira a carne do forno e pincela com manteiga (não é margarina). É que, segundo ele, fica mais macia. Em seguida coloca rodelas de abacaxi e leva novamente ao forno até dourar um pouco a fruta.

Retira e serve com a farofa de banana mais arroz branco.

Lombo recheado com farofa de banana

Ingredientes

2,8 Kg de lombo (manta)

Um abacaxi em rodelas

Tempero

Sal e pimenta do reino a gosto

7 dentes de alho picados

Chamichurri a gosto

Orégano

Recheio do lombo

250 g de provolone fatiado

250 g de bacon fatiado frito

100 g de azeitonas sem caroço

Salsinha e cebolinha a gosto

Molho para pincelar o lombo

3 colheres de sopa de catchup

4 colheres de sopa de molho inglês

1/2 xícara (chá) de açúcar mascavo

1 colher de sobremesa de canela em pó

50 ml de azeite

Farofa de banana

Pega a sobra da gordura da fritura das fatias de bacon, aquece e acrescenta 500 g de linguiça toscana - sem pele - picada. Na receita vão:

250 g de bacon picado

1 cebola grande picada

4 dentes de alho picados

3 bananas picadas (a da preferência)

1 cenoura ralada

100 gramas de azeitonas sem caroço

Farinha de mandioca crua até dar o ponto

Salsinha e cebolinha a gosto

Orégano, sal e pimenta do reino a gosto

Misturou tudo isso, é só servir com o lombo assado. Geleia de hibisco para passar sobre o lombo já pronto