Últimas Notícias
Natal
Papai Noel musicista
Dorival Bandoria, o Papai Noel do saxofone, é membro da Orquestra Educacional de Piracicaba

Por Larissa Souza

Bandoria contou à Gazeta que gosta das festividades e das tradições do Natal desde criança

Crédito: Divulgação

Bandoria contou à Gazeta que gosta das festividades e das tradições do Natal desde criança

As crianças aguardam ansiosamente pela chegada do Papai Noel, que acontece momentos antes da ceia de Natal. Os ajudantes do Bom Velhinho fomentam a curiosidade dos pequenos durante todo o dia para esse momento tão especial. Antes da ceia, eles levam as crianças para o quintal e fingem escutar o Papai Noel passar de trenó no céu próximo à casa, enquanto o aposentado Dorival Bandoria entra sorrateiramente à caráter pela casa com seu saxofone para surpreender as crianças com uma música de Natal.

As crianças ficam encantadas com a chegada do famoso personagem, além de curiosas para saber qual presente irão ganhar. Sentado em sua poltrona, Bandoria distribui, depois, os presentes de cada um, e se prepara para sair sem que as crianças percebam, para voltar a ser simplesmente o senhor Dorival.

Bandoria contou à Gazeta que gosta das festividades e das tradições do Natal desde criança. Na infância, também pedia presentes para o bom velhinho. Depois que cresceu, passou a tradição para a filha, que acreditou no Papai Noel durante alguns anos. “Para mim, o Papai Noel abrilhanta o Natal, principalmente para as crianças”, comentou.

Hoje, Bandoria transmite a tradição por meio da encenação que faz vestido de Papai Noel. Ele começou a se fantasiar por incentivo dos amigos, para entreter as crianças, sem imaginar que criaria uma tradição para a confraternização de Natal.

Nos Natais da família de Bandoria, além da tradicional ceia de Natal, não pode faltar o Papai Noel.

Mas o Papai Noel de Bandoria é “diferente”, como ele mesmo define, é musicista. Dorival Bandoria, que é um dos membros mais antigos da Orquestra Educacional de Piracicaba, aproveita o momento para tocar algumas músicas natalinas em seu saxofone, que tomam conta do ambiente e intensificam os sentimentos de amor e esperança tão inerentes nessa época. “Eles se alegram, ficam todos curiosos, é um Papai Noel diferente”, contou à Gazeta. Os adultos também.

A História do Papai Noel

Há muitas histórias sobre a criação do famoso Papai Noel, que encanta crianças e adultos e deixa presentes para os pequenos no Natal. Uma delas é a de São Nicolau, um bispo com barba grande e grisalha que distribuía generosamente presentes para pessoas em situação de vulnerabilidade social, principalmente crianças. Outra história associada ao Papai Noel é a de uma famosa propaganda da Coca-Cola, veiculada em meados de 20, que criou a imagem do senhor de roupa vermelha e barriga grande, que carinhosamente distribui presentes para as crianças que se comportaram bem durante o ano no dia do Natal.

Mesmo que nenhuma dessas histórias seja brasileiras, o Brasil adotou o Papai Noel como um dos símbolos do Natal. As crianças vão até os Shoppings pedir presentes para ele, assistem a shows e apresentações para ter o contato com essa figura tão imponente e há, até mesmo, aqueles que se fantasiam, com a intenção de manter viva essa ingenuidade e admiração dos pequenos por esse personagem, a exemplo de Bandoria.