Últimas Notícias
Pandemia
Eventos liberados: Piracicaba segue Estado
Estão liberados todos os tipos de eventos com controle de público, como shows em pé, torcidas e pistas de dança

Por Da redação

Decreto foi assinado na segunda-feira (1º) pelo governo de SP

Crédito: Divulgação/Prefeitura

Decreto foi assinado na segunda-feira (1º) pelo governo de SP

Com aumento no índice da população com o esquema vacinal completo, a Prefeitura de Piracicaba, por meio do decreto 18.924, segue o Estado com as medidas da retomada segura do Plano São Paulo e permite todos os tipos de eventos com controle de público. O decreto foi publicado em edição extraordinário do Diário Oficial do Município de ontem, segunda-feira, 01/11, e tem vigência a partir desta terça-feira até 31/12/2021.

De acordo com o decreto, estão liberados todos os tipos de eventos com controle de público, inclusive shows em pé, torcidas e pistas de dança, desde que com uso obrigatório de máscaras, respeito aos protocolos de higiene e 100% dos adultos com acesso à 2ª dose da vacina, comprovado mediante a apresentação de carteira de vacinação.

O decreto 18.924 também mantém o fim das restrições de horários para todos os setores da economia e atividades religiosas e ocupação de até 100% nestes estabelecimentos. Também permanece obrigatório o uso de máscaras em ambientes fechados e os eventos e shows sem controle de público ainda permanecem proibidos. Além disso, revoga o inciso I do art. 1º do decreto 18.269.

Vacinação

Com mais de 658 mil doses da vacina contra Covid-19 aplicados, Piracicaba já vacinou com as duas doses ou dose única 86,9% da população com 12 anos ou mais e com a 1ª dose 96,69 dessa população.

Estima-se, com base no censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) que Piracicaba tem aproximadamente 346 mil habitantes com 12 anos ou mais, faixa etária a partir da qual já pode ser vacinada contra a Covid-19.

No Estado de São Paulo

O estado de São Paulo liberou a partir desta segunda-feira (1) a realização de shows em pé, baladas, bares e eventos esportivos com 100% de público. A liberação se dá após quase dois anos de distanciamento e reclusão devido à pandemia da covid-19.

A permissão acontece no momento em que o estado atinge mais de 87% da população adulta com esquema vacinal completo e queda no número de internações pela doença. A taxa de ocupação dos leitos de UTI no estado hoje é de 26,6%, e na Grande São Paulo, de 36,4%.

No entanto, medidas de segurança continuam obrigatórias, como o uso obrigatório de máscaras em qualquer ambiente e respeito aos protocolos de higiene. Para entrada e participação nesses eventos, os estabelecimentos e organizadores deverão exigir um comprovante com esquema vacinal completo, ou seja, duas doses da vacina CoronaVac, AstraZeneca e Pfizer ou dose única da Janssen. Também precisarão disponibilizar álcool em gel 70% em locais de fácil acesso ao público.

Quem ainda não tiver concluído o esquema vacinal, deverá apresentar um comprovante com a primeira dose e um teste negativo para a covid-19 do tipo PCR realizado em até 48 horas antes do ingresso no evento; ou um teste negativo de antígeno realizado nas últimas 24 horas. Além da utilização da máscara de proteção facial durante a permanência no espaço, há a recomendação de distanciamento entre as pessoas. As orientações para a retomada de grandes eventos com controle de público partiram das análises do Comitê Científico do Governo do Estado.