Últimas Notícias
Atual Pinacoteca
Abaixo-assinado contra a instalação da PF
Mais de 80 moradores assinaram o abaixo-assinado que, posteriormente, será encaminhado para a Câmara

Por Larissa Souza

Prédio atualmente comporta a Pinacoteca Municipal

Crédito: Mateus Medeiros

Prédio atualmente comporta a Pinacoteca Municipal

Integrantes do grupo Amigos da Pinacoteca estão recolhendo assinaturas de pessoas que residem em ruas próximas à Casa de Artes contra a instalação da Polícia Federal em seu prédio. No abaixo-assinado, eles afirmam que há a necessidade de realização de um estudo sobre os “impactos urbanísticos” da medida que, segundo eles, pode intensificar o fluxo de veículos na rua.

“Os serviços prestados pela PF, como a emissão de passaportes, a legalização de imigrantes e investigações diversas, são de grande importância, no entanto, devem atrair um fluxo ainda maior de pessoas e carros que colapsará ainda mais o bairro”, explica o documento. Mais de 80 moradores assinaram o abaixo-assinado que, posteriormente, será encaminhado para a Câmara de Vereadores.

O comerciante José Reis, que reside na rua Moraes Barros, acredita que a mudança pode aumentar a movimentação na rua que, segundo ele, costuma ser tranquila. Ele também se preocupa com a transferência do acervo da pinacoteca. “No Engenho não vai ter o mesmo armazenamento, o mesmo cuidado”, disse.

Para o advogado Sérgio Roberto Sacchi, que tem um escritório em frente à pinacoteca, o prédio não tem estrutura para receber a Polícia Federal. “Eu acho que a pinacoteca devia permanecer aqui porque é um prédio específico feito para ela”, falou.

Já a arquiteta Vanessa Caetano Stefanelli, que possui um escritório na rua Luiz de Queiroz, acha que deveria ser feito um planejamento para avaliar se a transferência da pinacoteca favorecerá o setor artístico da cidade. “Também tem a preocupação de como será feito o armazenamento do acervo. Precisaria de toda uma infraestrutura para isso”, avaliou.