Últimas Notícias
Polícia
Irmão mata irmão com facada
Crime teria acontecido por desentendimento entre os irmãos, relataram familiares

Por Ana Cristina Andrade

Até sexta (27), o autor não havia sido localizado pela polícia

Crédito: Divulgação/Polícia Militar

Até sexta (27), o autor não havia sido localizado pela polícia

O desentendimento entre dois irmãos, que vinha ocorrendo há alguns dias, segundo familiares, terminou com o assassinato de um deles: o mais novo, de 21 anos, matou o outro que era três anos mais velho.

O crime aconteceu no início da madrugada de ontem, na rua Dom Manoel, região da Pauliceia, mas a morte de Giovani foi anunciada após ele ter dado entrada no pronto-socorro Vila Cristina.

Até o encerramento do plantão do delegado Gyllis Esquitini Scrocca, às 8h da manhã de ontem, o autor não havia sido localizado pela polícia.

G.L.P.S., de 24 anos, foi morto com uma única facada que, segundo a polícia, acertou na região do baço, órgão que está localizado na parte de baixo do abdômen e que tem a importante função de filtrar o sangue.

A autoridade foi informada que, durante a confusão que antecedeu ao assassinato, a vítima fatal estava armada com um garruchão - é uma garrucha de cano mais longo - e que foi apreendido.

A faca usada pelo irmão não foi localizada. Scrocca disse que assim que tomou conhecimento do fato, sua equipe saiu a campo ouvir pessoas e tentar localizar o autor. "Soubemos que os dois irmãos eram desafetos, estavam ultimamente um ameaçando o outro, e que na hora do crime, o que morreu estava com a garrucha”, declarou.

“Sabe-se que ele (vítima) foi ameaçar o irmão e este o esfaqueou. De qualquer forma, a autoria já está esclarecida. Agora, mais tempo menos tempo, o pessoal do 3º DP deve pedir a prisão preventiva dele”, ressaltou o delegado.