Últimas Notícias
ECONOMIA
Bolsonaro: Desemprego no Brasil é questão de metodologia
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a criticar nesta quinta-feira, 6, a metodologia do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nas estatísticas do desemprego

Por Estadão Conteúdo

Crédito: Divulgação/Internet

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a criticar nesta quinta-feira, 6, a metodologia do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nas estatísticas do desemprego. Na transmissão semanal ao vivo nas redes sociais, Bolsonaro reafirmou que a "questão de desemprego é a metodologia". "Pessoal do IBGE não precisa ficar 'brabinho', não", ironizou, na live, ao lado do presidente da Caixa Econômica Federal (CEF), Pedro Guimarães.

"Metodologia diz que desempregado é quem procura emprego", declarou. De acordo com Bolsonaro, se o cidadão "ficar 50 anos em casa" sem trabalhar, é considerado desempregado se procurar emprego.

Ele voltou a responsabilizar governadores e prefeitos. "Se quer reclamar de alguém, tem todo direito, mas foi o teu governador e teu prefeito que te obrigaram ficar em casa", reiterou. Segundo Bolsonaro, quando um político não está no governo, promete "mundos e fundos" e quando está, a "preocupação é a miséria".