Últimas Notícias
INTERNACIONAL
Exercícios militares aumentam tensão entre Filipinas e China
A Guarda Costeira filipina conduz exercícios militares no Mar da China como parte dos esforços para garantir "nossa jurisdição marítima" na área disputada, de acordo com uma autoridade filipina

Por AFP

Crédito: Divulgação/Internet

A Guarda Costeira filipina conduz exercícios militares no Mar da China como parte dos esforços para garantir "nossa jurisdição marítima" na área disputada, de acordo com uma autoridade filipina.

Essas manobras surgem em meio a tensões crescentes na zona do Mar da China Meridional, rica em recursos naturais e reivindicada pelo governo de Pequim.

As tensões aumentaram no mês passado, quando centenas de navios chineses foram detectados perto do disputado Recife Whitsun, que os filipinos chamam de Recife Julián Felipe, na área das Ilhas Spratly, cuja soberania é reivindicada por vários países, incluindo China e Filipinas.

"Apoiamos uma convocação nacional para garantir a nossa jurisdição marítima", afirmou o porta-voz da Guarda Costeira, Armando Balilo.

Esta semana, o presidente filipino, Rodrigo Duterte, disse que não hesitaria em "implantar navios de guerra" no Mar da China para a reivindicação das Filipinas sobre a riqueza potencial do petróleo daquela área disputada, em particular com o gigante asiático.

O presidente filipino observou, no entanto, sua disposição de "permanecer amigo" da China e "compartilhar o que está lá fora".

rbl/amj/lb/me/zm/gf