Últimas Notícias
ECONOMIA
Taxa média do empréstimo pessoal sobe em abril ante março, diz Procon-SP
A taxa média do empréstimo pessoal apresentou alta em abril em relação a março, apontou uma pesquisa de taxa de juros realizada pelo Núcleo de Inteligência e Pesquisas da Escola de Proteção e Defesa do Consumidor do Procon-SP

Por Estadão Conteúdo

Crédito: Divulgação/Internet

A taxa média do empréstimo pessoal apresentou alta em abril em relação a março, apontou uma pesquisa de taxa de juros realizada pelo Núcleo de Inteligência e Pesquisas da Escola de Proteção e Defesa do Consumidor do Procon-SP. Segundo levantamento, a taxa média dos bancos pesquisados foi de 6,10% ao mês, acréscimo de 0,02 ponto porcentual em relação ao mês anterior, que foi de 6,08%.

O levantamento foi feito em 5 de abril e analisou o Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander.

No empréstimo pessoal, o Bradesco alterou sua taxa de 7,16% para 7,22%, representando uma variação positiva de 0,84%. O Itaú alterou sua taxa de 5,91% para 5,97%, variação positiva de 1,02%. As demais instituições financeiras mantiveram suas taxas.

Já no cheque especial, não houve alteração das taxas praticadas pelas instituições. Dessa forma, a taxa manteve-se igual ao mês anterior, a 7,96% a.m.

Em vigor desde janeiro de 2020, o Banco Central, por meio da Resolução nº 4.765, limitou a cobrança da taxa de juros do cheque especial para pessoa física em 8% ao mês.