Últimas Notícias
INTERNACIONAL
Rebeldes huthis do Iêmen tomam posição-chave perto de Marib
Os rebeldes huthis do Iêmen tomaram o controle de uma montanha perto de Marib, o último bastião do governo no norte deste país em guerra, abrindo caminho para controlar esta localidade estratégica - disseram fontes militares à AFP nesta sexta-feira (19)

Por AFP

Crédito: Divulgação/Internet

Os rebeldes huthis do Iêmen tomaram o controle de uma montanha perto de Marib, o último bastião do governo no norte deste país em guerra, abrindo caminho para controlar esta localidade estratégica - disseram fontes militares à AFP nesta sexta-feira (19).

De acordo com um oficial, os rebeldes "assumiram o controle do Monte Hilan, que cerca Marib, depois de combates que deixaram dezenas de mortos" entre os combatentes.

Segundo outra autoridade, este avanço é "uma ameaça direta às primeiras linhas de defesa" da cidade.

Depois de seis anos de guerra, os huthis reativaram, em fevereiro, sua ofensiva na região de Marib, onde há importantes campos petroleiros.

Marib "está em perigo", garantiram essas fontes.

A tomada da cidade por parte dos huthis seria um duro golpe para as forças governamentais e também para a Arábia Saudita, que lidera uma coalizão de apoio ao governo.

Os rebeldes multiplicaram seus ataques contra o território saudita nessas semanas e pediram a Riade o fim do bloqueio aéreo e marítimo imposto a seu país, como precondição para qualquer cessar-fogo.

Na quinta-feira (18), o Conselho de Segurança da ONU condenou esta "escalada" em torno de Marib e alertou sobre o agravamento da já terrível situação neste país, devastado pela guerra.

O conflito causou, segundo a ONU, a crise humanitária mais grave do mundo, com dezenas de milhares de mortos, milhões de deslocados e uma população à beira da fome, denunciam organizações de direitos humanos.

faw-sy/mdz/bfi/bl/tjc/tt