Últimas Notícias
VARIEDADES
Globo anuncia novelas inéditas e data de 'Pantanal' ainda é incerta
A Globo anunciou a volta de novelas inéditas à sua grade de programação, na noite de domingo, 14, durante o intervalo do Big Brother Brasil 21

Por Estadão Conteúdo

Crédito: Divulgação/Internet

A Globo anunciou a volta de novelas inéditas à sua grade de programação, na noite de domingo, 14, durante o intervalo do Big Brother Brasil 21. O comunicado foi narrado por Regina Casé, que confirmou o retorno de histórias que tiveram que ser paralisadas devido à pandemia, e também de estreias.

A atriz revelou que a novela das nove, Um Lugar Ao Sol, será exibida no segundo semestre e terá Cauã Reymond interpretando gêmeos. Império será reprisada nesse meio tempo, já que os novos episódios de Amor de Mãe , que começam nesta segunda-feira, 15, serão transmitidos por quatro semanas. Confira abaixo o anúncio completo feito por Casé:

"A primeira novela que volta é a minha, a da dona Lurdes, na estreia da fase final de Amor de Mãe. São só quatro semanas, já pensou como isso vai ser intenso? Mês que vem, estreia Império. A gente teve que programar mais uma reprise às nove, para dar tempo de adiantar Um Lugar ao Sol, que ficou pro segundo semestre", informou.

"Enquanto você espera para ver o Cauã Reymond fazendo gêmeos, curte uma novela que ganhou o Emmy", diz Casé sobre o prêmio conquistado pela trama de Aguinaldo Silva. Sobre o horário das sete, a atriz anunciou:

"Ainda neste mês, volta Salve-se Quem Puder desde o começo para ninguém perder nada. E, em julho, estreia a nova novela das sete: Quanto Mais Vida, Melhor. Que nome bom para uma novela em um momento desse". No horário das seis, irá estrear em agosto a novela Nos Tempos do Imperador, protagonizada por Selton Mello.

A única produção que a Globo ainda não tem previsão de data é o remake de Pantanal. "Tem uma surpresa: uma super produção. Como protagonista, a natureza do Brasil, o coração de uma das regiões mais bonitas do mundo: o Pantanal. Não dá para saber se estreia esse ano ou no começo do ano que vem. Isso está dependendo da covid-19", explicou Regina.

Clique aqui