Últimas Notícias
DURANTE LIVE
Antônio Lopes afirma que palavra final é do treinador
Veterano do futebol é o novo coordenador-técnico do Vasco

Por Agência BrasiI

Jogadores do Vasco

Crédito: Rafael Ribeiro

Jogadores do Vasco

A exemplo do que havia acontecido com o treinador Ramon Menezes, o Vasco apresentou o novo coordenador-técnico, Antônio Lopes, por meio de uma transmissão ao vivo no Canal do clube no YouTube. Os jornalistas enviaram perguntaram gravadas em vídeo e os torcedores também puderam questionar o ex-delegado da Polícia Civil do Rio de Janeiro. Prestes a completar 79 anos de idade, em junho, Lopes disse que se mantém atualizado, acompanhando o futebol pelo mundo. "Além do Brasileiro, vejo o Campeonato Argentino, Inglês e Espanhol".
Para manter a forma física e mental, Lopes contou que se exercita por uma hora todos os dias. "Hoje mesmo, subi por duas vezes as escadas do térreo até o 12º andar onde moro". Comandante do Vasco de 1998 na conquista da Copa Libertadores, Lopes lembrou que o primeiro título com o clube foi quando atuava como auxiliar-técnico de Mário de Travaglini, quando o Cruzmaltino conquistou o Brasileirão de 1974.
Hoje, este cargo é ocupado pelo filho, Júnior Lopes. "Não tive qualquer envolvimento na contratação dele, que foi uma escolha do José Luís (vice de futebol)". Lopes foi o coordenador de Felipão, em 2002, na conquista do penta da seleção brasileira. Para ele, a palavra final sobre escalação ou qualquer dilema no time é do treinador. "Eu faço sugestões, converso, mas quem decide é o técnico", reiterou, lembrando que Ramon foi seu jogador nos áureos tempos do Cruzmaltino.
"Era tecnicamente muito bom, além de inteligente. Como treinador tem tudo para dar certo. Está preparado, fez cursos e conhece o atual plantel e a base do Vasco", acredita Lopes, apostando na mescla da experiência e da juventude para montar um bom time.
Por conta da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), as atividades no Vasco estão suspensas, assim como o Campeonato Carioca, paralisado até 30 de abril "A gente está tolhido de iniciar um trabalho eficiente, mas mesmo assim estamos nos reunindo muito por videoconferência", contou.