PAULISTA DA SÉRIE A-2
Vitória suada
Alvinegro vence o Galo Azul, no sufoco, e se aproxima do G-8

Por José Ricardo Ferreira

Noite de três pontos. XV venceu, com dificuldades, o Rio Claro, nesta quarta-feira (12), no 'Barão'

Crédito: Adriano Rizzo

Noite de três pontos. XV venceu, com dificuldades, o Rio Claro, nesta quarta-feira (12), no 'Barão'

Quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020
Desfalcado no meio de campo e no ataque, o XV de Piracicaba encontrou forças e conseguiu sua segunda vitória consecutiva no Paulistão da Série A-2, ao vencer o Rio Claro, por 2 a 1, no Estádio 'Barão da Serra Negra', na noite desta quarta-feira (12). Com a vitória, o Alvinegro soma oito pontos na competição e está em 9º lugar na tabela. O XV saiu na frente, no primeiro tempo, com Gilberto Alemão e levou o empate no início do segundo tempo, com Douglas, pelo Galo Azul. Marcelinho, que entrou na metade do segundo tempo, desempatou para o Alvinegro. O próximo jogo do XV será neste domingo (16), em São Paulo (SP), contra o Juventus, às 10 horas.
O jogo
Com forte pressão sobre o Rio Claro, o XV não demorou para abrir o placar no primeiro tempo. Aos seis minutos, Daniel Costa cobrou falta e o zagueiro Gilberto Alemão subiu livre e testou para colocar o Alvinegro na frente: 1x0. Aos 15 minutos, Daniel Costa bateu escanteio, Diego Jussani apareceu na segunda trave, mas cabeceou para fora.
Aos 20 minutos, o Rio Claro aproveitou um contra-ataque. Adilson, ex-XV, chegou com chances para marcar. Mota precisou sair da grande área e fazer falta no atacante. O goleiro quinzista levou um cartão amarelo pela infração. Na sequência, Lucas Crispin cobrou a falta, mas a zaga afastou.
O XV respondeu aos 22 minutos, com Daniel Costa batendo de fora da área e obrigando Dheimison a espalmar. O Rio Claro chegou novamente aos 30 minutos. Boré cobrou falta com precisão e acertou a trave de Mota. O XV chegou aos 33 minutos. Jefferson Feijão serviu Filipe Cirne, que cruzou à meia altura. Robertinho testou, mas a bola saiu à esquerda do gol.
Aos 46 minutos, Kadu Barone apareceu no jogo, encontrou espaço e bateu. O zagueiro Guilherme tirou de cabeça a bola que tinha direção certa. O primeiro tempo terminou com o XV bem posicionado em campo e o Galo Azul levando perigo em alguns contra-ataques. O Rio Claro voltou melhor no começo do segundo tempo e, aos três minutos, o lateral Douglas aproveitou passe de Lucas Crispin e empatou com um chute forte e indefensável para Mota: 1x1.
O jogo ficou perigoso para o XV, pois o time do técnico Tarcísio Pugliese foi para cima deixando espaços para o rápido Galo Azul. Aos cinco minutos, Diego Jussani quase desempatou, mas sua cabeçada saiu pelo lado direito. O atacante Caio Mancha apareceu aos 15 minutos. Ele aproveitou cruzamento da direita e testou, mas Dheimison, bem colocado, defendeu sem rebote.
Aos 17 minutos, Tarcísio tirou Filipe Cirne e colocou Erison no lado direito do ataque. Aos 20 minutos, Alemão surgiu de surpresa na área adversária, mas bateu sem direção. Aos 24 minutos, Caio Mancha saiu e entrou Marcelinho. Kadu teve espaço e chutou forte por cima do travessão aos 25 minutos.O Rio Claro quase virou aos 30 minutos, com Guilherme chutando rasteiro para difícil intervenção de Mota que afastou para fora da área a bola.
Aos 32 minutos, brilhou a estrela de Marcelinho. Ele aproveitou uma confusão na área após falta cobrada por Daniel Costa. O atacante aproveitou a sobra e bateu rasteiro: 2x1. Na frente do marcador mais uma vez, o XV soube suportar as investidas do Galo Azul e já se aproxima do G-8, Grupo que se classifica para a segunda fase da A-2.
Ficha técnica
2 XV de Piracicaba - Mota, Diego Jussani, Gilberto Alemão, Paulão, Robertinho, Kadu Barone (Erik Gabriel), Samuel Andrade, Caio Mancha (Marcelinho), Daniel Costa, Filipe Cirne (Erison). Técnico: Tarcísio Pugliese.
1 Rio Claro - Dheimison, Douglas, Alysson (Mateus), Guilherme, Boré, Acleisson, Eduardo, Lucas Crispin, Matheus Lú, Rodrigo Paraná (Roger), Adilson (Luiz Thiago). Técnico: Adilson Teodoro.
Gols - Gilberto Alemão (XV), aos seis minutos do primeiro tempo; Marcelinho (XV), aos 32 minutos do segundo tempo; Douglas (Rio Claro), aos três minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos - Mota, Samuel Andrade, Gilberto Alemão (XV); Lucas Crispin, Adilson, Dheimison (Rio Claro).
Árbitro - José de Araújo Ribeiro Júnior.
Público - 1.882 torcedores.
Renda - R$ 39.165,00.
Local - Estádio 'Barão da Serra Negra'.