SOL INTENSO
Calorão de 39 graus
Previsão é de que, nesta quarta-feira, a temperatura máxima seja de 37ºC

Por Adriana Ferezim

Termômetro do Parque da Rua do Porto registrou, nesta terça-feira (10), 39ºC

Crédito: Adriano Rizzo

Termômetro do Parque da Rua do Porto registrou, nesta terça-feira (10), 39ºC

Quarta-feira, 11 de setembro de 2019
Na rua, os termômetros marcaram 39°C na tarde desta terça-feira (10). Sol intenso e poucas nuvens no céu são resultado da presença de uma massa de ar seco sobre o Estado e que também atinge a Região de Piracicaba. A Estação Meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) apurou temperatura máxima de 34°C, às 18 horas desta terça-feira. A previsão do órgão era máxima de 36°C para a terça-feira. A massa de ar seco inibe a ocorrência de chuva, conforme o Instituto Climatempo e a semana segue quente.
A previsão do Inmet é de que, nesta quarta-feira (11), a temperatura máxima seja de 37°C e a mínima de 20°C. Nesta quinta-feira (12), deve alcançar os 39°C, em Piracicaba. Será preciso muita água e outros recursos para enfrentar o calorão até sexta-feira, quando os termômetros devem recuar um pouco. A máxima prevista é de 34°C.
“Na quinta-feira, a passagem de uma frente fria ajuda a aumentar a umidade e há possibilidade de algumas pancadas de chuva isoladas. Nesta terça-feira, a umidade continua baixa, a exemplo desta quarta-feira. Nas horas mais quentes do dia pode ficar abaixo de 30%”, informou o Climatempo. A recomendação da Defesa Civil do Estado é buscar hidratação e evitar atividades físicas ao ar livre nos períodos mais quentes do dia, entre 11 horas e às 17 horas.
“Na sexta-feira, após a passagem da frente fria a temperatura cai um pouco dando uma refrescada”, relatou o Climatempo, que prevê, neste sábado (14), temperatura máxima de 32°C. 
Segundo a previsão da meteorologista Rita de Cássia César Moreira de Cerqueira, no Boletim da Sala de Situação PCJ, do Departamento de Águas e Energia Elétrica, o IPMet/Unesp, nesta sexta-feira (13) e neste sábado, “a frente fria desloca-se pelo Oceano, altura do Litoral Paulista, aumentando a nebulosidade na Região Sul e na Faixa Leste do Estado e ocasionando chuvas fracas principalmente no Litoral”, informou.
Vazão
A quantidade de água no Rio Piracicaba, nesta terça-feira, às 7 horas, era de uma vazão de 29,31 metros cúbicos de água por segundo (m3/s), 49,9% acima do registrado na mesma data em 2018, que foi de apenas 19,6 m3/s, mas 50,4% menor que a média histórica para o mês de setembro, que é de 59,11 m3/s.