OS 430 INGRESSANTES
Esalq está pronta para receber os novos alunos
Os calouros serão recepcionados no Salão Nobre, no prédio principal

Por Da Redação

A tradicionalíssima Esalq

Crédito: Antonio Trivelin

A tradicionalíssima Esalq

Terça-feira, 12 de fevereiro de 2019
Com o início do ano letivo de 2019, a Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP) receberá, a partir da próxima segunda-feira (18), 430 alunos ingressantes. Aprovados no vestibular da Fuvest ou no Sistema de Seleção Unificada (SiSU), os calouros chegarão para dar início à sua trajetória acadêmica e aproveitar uma vida estudantil que contempla descobertas científicas, novas amizades e a inserção na Comunidade Universitária e no convívio da cidade de Piracicaba.
Para receber de forma qualificada essa nova turma de esalqueanos, uma Comissão Interna preparou a Semana de Recepção aos Ingressantes. Na programação, estão palestras, atividades esportivas, culturais, vivências socioambientais e oportunidades de intercâmbio no Exterior.
As boas-vindas ocorrerão na segunda-feira, no Salão Nobre. A partir das 8 horas, será servido café da manhã, além da apresentação do Coral Luiz de Queiroz e recepção dos dirigentes do campus, Promotoria Pública e lançamento do Projeto Temático Institucional. Ainda no mesmo período, os presentes assistirão à palestra 'Interações na USP', promovida pelo Grupo 'USP Mulheres'.
Na parte da tarde e da noite, na Central de Aulas, serão apresentados os serviços da Esalq, inscrição para vivências da semana e visita guiada pelo campus. Na próxima terça-feira (19), os ingressantes conversarão com veteranos sobre a vida universitária, participarão da Feira de Extensão e de visita guiada à Biblioteca.
As aulas inaugurais ocorrerão também na terça, nos períodos da tarde e noite. Na quarta e quinta-feiras, os novos alunos participarão de vivências com grupos de extensão, atividades esportivas promovidas pela Associação Atlética Acadêmica Luiz de Queiroz (AAALQ) e visita guiada à Biblioteca (para os cursos noturnos).
Finalmente, a parte da manhã do dia 22, está reservada para atividades com os grupos de extensão e acadêmicos e, no período da tarde é a vez de conhecerem as oportunidades de intercâmbio no Exterior, uma vez que a Esalq mantém convênios com cerca de 80 Instituições do mundo todo. Também oferecerá Programas de duplo diploma para os cursos de Ciências dos Alimentos, Engenharia Agronômica e Engenharia Florestal.
Confira a programação completa da Semana de Recepção aos Ingressantes, no site: www.esalq.usp.br/graduacao/sites/default/files/programa_recepcao_ingressantes_2019.pdf.
Mulheres na Ciência
Em 1937, Veridiana Victoria Rossetti foi a primeira mulher a graduar-se agrônoma na Esalq. Na pós-graduação, instância na qual a Esalq é pioneira na USP, Carmen Silva Pereira foi a primeira titulada magister scientae, em 15 de dezembro de 1967, no curso de Experimentação e Estatística. A primeira doutora da Escola foi Vera Ligia Letízio Machado, do curso de pós-graduação em Entomologia, titulada em 11 de setembro de 1974.
Esses marcos históricos da trajetória da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP) foram lembrados nesta segunda-feira (11), data em que se comemora o Dia Internacional das Mulheres na Ciência. A data foi criada pela Unesco em 22 de dezembro de 2015 e se insere nas metas de igualdade de gênero, uma das prioridades globais daquela entidade.
Ainda com espaço reduzido nas fileiras acadêmicas do início do século passado, podemos afirmar que as mulheres do século 21 transformaram essa realidade. Em 2018, as mulheres somaram 42% do total de ingressantes da Esalq. No mesmo ano, dos cursos oferecidos pela Instituição, as mulheres foram a maioria em Ciências dos Alimentos (80%) e Gestão Ambiental (63%).
Na pós-graduação, o espaço das mulheres também se mostra cada vez mais representativo. Entre 11 de fevereiro e 25 de março de 2019, estão agendadas 59 defesas de dissertação e teses na Esalq. Destas, 42% tem uma jovem cientista como autora. 
Para celebrar a data, o grupo de Divulgação Científica GENt, do Departamento de Genética da Esalq, relembrou a história de importantes cientistas, como Rosalind Franklin e Marie Curie, e contou um pouco da carreira das professoras do Departamento. Para ver o material completo, acesse o site do grupo GENt: www.gent-esalq.github.io/(Colaborou Maria Letícia Bonatelli, bióloga e pesquisadora do Departamento de Genética da Esalq).