EM PIRACICABA
Encontro de Violeiros chega à quinta edição
Haverá, ainda, um sorteio de uma Rozini, autografada pelos artistas

Por Da Redação

A dupla piracicabana, Pedro e Pedrinho, será uma das atrações

Crédito: Divulgação

A dupla piracicabana, Pedro e Pedrinho, será uma das atrações

Sexta-feira, 14 de setembro de 2018
Acontecerá, neste domingo (16), no Sindicato dos Metalúrgicos de Piracicaba, a quinta edição do Encontro de Violeiros, a partir do meio-dia. A programação do evento, neste ano, está bastante recheada. Entre as atrações, Adriana Farias, Fernando Freitas e Gilberto Lage, Mococa e Paraíso, Pedro e Pedrinho e Mogiano e Mogianinho. O Sindicato está localizado à avenida Dois Córregos, 3.110.
Os ingressos podem ser comprados no Supermercado Defavari (19) 3493-9333), Agropecuária Mathias (19) 3493-4143) e Selaria Barrichello (19) 3435-6974). Vendas online pelo Total Acesso: www.totalacesso.com.br, ou pelos telefones (19) 99786-0957 e (19) 99726-7471.
Mais informações pelo Facebook Encontro de Violeiros ou pelo Instagram: @encontrodevioleiros_oficial. Haverá, ainda, um sorteio de uma viola Rozini, autografada pelos artistas que vão se apresentar no encontro.
Adriana Farias é apresentadora do mais tradicional programa dedicado à Música Raiz da TV: o 'Viola Minha Viola', além de violeira de mão cheia. Já Fernando Freitas e Gilberto Lage, também conhecidos como Os Piracicabanos, são uma das duplas de destaque no cenário regional, apresentando-se em locais como o Sesc e em festas de Piracicaba.
Pedro e Pedrinho é uma dupla piracicabana formada por pai e filho que gravou seu primeiro CD profissional em 2013 e tem se destacado por defender a Música Raiz. Mococa e Paraíso é simplesmente uma das mais importantes duplas da música sertaneja nacional.
Formada na década de 1980, apesar do romantismo constante em seus repertórios, a característica sertaneja da dupla está sempre firmemente presente em todos os seus trabalhos, visto ser esta uma preocupação constante de ambos: não perder jamais a identidade com suas raízes.
Mogiano e Mogianinho formam uma das mais tradicionais duplas da história do sertanejo. Naturais de Mogi Mirim (SP), têm como maior inspiração Tonico e Tinoco e participaram de filmes com nomes de peso da época, como Léo Canhoto e Robertinho ('Chumbo Quente') e Mazzaropi ('A Volta do Jeca').