CERIMÔNIA NESTA TERÇA
Entidades recebem Selo da Criança e do Adolescente
A OAB confere a certificação social como um endosso de qualidade

Por Marcelo Rocha

A advogada Raphaela Bissoli, coordenadora da Comissão da Criança e do Adolescente

Crédito: Christiano Diehl Neto

A advogada Raphaela Bissoli, coordenadora da Comissão da Criança e do Adolescente

Terça-feira, 13 de março de 2018
A 8ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), de Piracicaba, realizará, na noite desta terça-feira (13), a entrega do Selo da Criança e do Adolescente a 20 entidades assistenciais do município. A solenidade será as 19h30, no auditório da Delegacia da Receita Federal, localizado à avenida Independência nº 3.601, bairro dos Alemães.
Anualmente, a OAB confere a certificação social como um endosso de qualidade a organizações sociais que prestam serviços de atendimento a crianças e adolescentes. Os certificados que serão entregues são para o exercício 2018, explica a advogada, Raphaela Galdi Bissoli, coordenadora da Comissão da Criança e do Adolescente da OAB, da 8ª Subseção.
As entidades contempladas com o Selo OAB têm que, obrigatoriamente, serem cadastradas junto ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA).
"Tivemos 20 inscrições de entidades e as 20 foram certificadas. Mas elas não foram simplesmente certificadas porque se inscreveram, mas porque realmente passaram pelo critério de aprovação. Nosso critério principal é ver se a entidade faz aquilo que ela se propõe a fazer. A OAB não criou este selo para julgar ou condenar. Nossa intenção é auxiliar as entidades e verificar se está tudo certo, inclusive se o que está registrado nas atas está sendo cumprido", declarou Raphaela.
De acordo com a advogada, houve uma renovação entre as entidades contempladas com o Selo OAB. "Novas entidades se inscrevam interessadas na certificação, essa é a boa notícia. Mas, simultaneamente, houve uma grande baixa no CMDCA", lamentou. Neste ano, disse Raphaela, a 8ª Subseção da OAB promoveu algumas mudanças em relação ao Selo.
"Até 2017, a gente certificava e ficava por isso mesmo. Agora, a OAB quer cumprir seu papel social. A proposta é a OAB estar mais ativa na vida das instituições e não simplesmente fornecer um selo na parede", afirmou. "Amanhã (nesta terça-feira), vamos anunciar uma palestra agendada para o dia 10 de abril, sobre a questão trabalhista e as mudanças que entidades terão que implementar em relação aos funcionários".
Outra novidade, informou Raphaela, é que o presidente da 8ª Subseção, Jeferson Goularte, baixou uma Portaria que estabelece a concessão dos alimentos arrecadados em eventos na OAB (palestras e outras solenidades) a uma dessas entidades certificadas.
As entidades
As entidades contempladas com o Selo OAB são: Creche Amas (Associação Metodista de Ação Social); Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae); Associação Jovens Músicos; Associação de Pais e Amigos dos Autistas de Piracicaba (Auma); Associação de Atendimento às Pessoas com Deficiência Visual de Piracicaba (Avistar); Casa do Bom Menino; Centro Social de Assistência e Cultura da Paróquia São José (Cesac Piracicaba); Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE); Oratório São Mário (Dom Bosco); Associação Atlética Educando Pelo Esporte; Escola de Pais do Brasil; Espaço Pipa; Instituto de Aprendizagem Profissional (Formar); Fundação Jaime Pereira (Funjape); Legião da Boa Vontade (LBV); Pastoral do Serviço da Caridade (Pasca); Instituto Passe de Mágica; Passo a Passo; Grupo Escoteiro São Mário; e XV de Piracicaba (Projeto das Categorias de Base).