BASQUETE DA NBA
Boston Celtics vence Wizards na prorrogação
Jaylen Brown também se destacou, com 18 pontos

Por Estadão Conteúdo

Boston Celtics teve dificuldades, mas conseguiu se manter na liderança isolada

Crédito: AFP

Boston Celtics teve dificuldades, mas conseguiu se manter na liderança isolada

O Boston Celtics teve dificuldades, mas conseguiu se manter na liderança isolada da Conferência Leste da NBA. Pela rodada, o time superou o Washington Wizards por 110 a 104, em duelo definido apenas na prorrogação, fora de casa, com grande atuação de Kyrie Irving, que fechou o jogo com 28 pontos, incluindo 12 dos últimos 17 da sua equipe.
Jaylen Brown também se destacou, com 18 pontos, sendo cinco na prorrogação pelo Boston. O Celtics, então, conquistou a quinta vitória nos últimos seis duelos e chegou aos 40 triunfos em 56 partidas, seguido de perto pelo Toronto Raptors, que superou o New York Knicks por 113 a 88, em casa, e está com 38 vitórias em 54 partidas.
Otto Porter somou 27 pontos e 11 rebotes e Bradley Beal acumulou 18 pontos e nove assistências pelo Wizards, que segue sem contar com John Wall, lesionado. O time perdeu 22 vezes a posse de bola e ainda converteu apenas dois de 12 arremessos de quadra na prorrogação, sofrendo a segunda derrota seguida. A equipe de Washington ocupa a quinta posição no Leste.
No Canadá, Jonas Valanciunas liderou o Raptors com 18 pontos e dez rebotes. Michael Beasley foi o cestinha da noite com 21 pontos pelo New York Knicks, que atuou pela primeira vez após Kristaps Porzingis sofrer uma grave lesão no joelho.
Líder da Conferência Oeste, o Golden State Warriors derrotou o Dallas Mavericks por 121 a 103, em casa, na noite de quinta-feira. Stephen Curry fechou o jogo com 20 pontos, oito assistências e sete rebotes.
Kevin Durant somou 24 pontos, nove rebotes, quatro assistências e dois tocos, enquanto Draymond Green se destacou com 12 pontos, 10 rebotes, seis assistências, dois tocos e duas roubadas de bola. Astro do Mavericks, Dirk Nowitzki conseguiu 16 pontos, 11 rebotes e dois tocos, enquanto o novato Dennis Smith Júnior, marcou 22 pontos pelo pior time do Oeste.
Em casa, o Los Angeles Lakers contou com 20 pontos de Kentavious Caldwell-Pope e também aproveitou os desfalques do Oklahoma City Thunder para batê-lo por 106 a 81, obtendo o oitavo triunfo seguido em casa. Paul George foi o cestinha do jogo com 29 pontos pelo Thunder.
Em duelo definido na prorrogação, o Portland Trail Blazers bateu o Charlotte Hornets por 109 a 103, em casa, com 24 pontos, 14 rebotes e quatro tocos de Jusuf Nurkic. Já o Orlando Magic derrotou o Atlanta Hawks por 100 a 98.