CAPIVARI/CAMPINAS
Acidente causa a morte de três e deixa nove feridos
Tragédia na SP-101 repercutiu, com pesar, em toda a região

Por Ana Cristina Andrade

A Kombi ficou destruída com o impacto

Crédito: Tonny Machado/Raízes FM

A Kombi ficou destruída com o impacto

Sexta-feira, 12 de janeiro de 2018
Três pessoas morreram e nove ficaram gravemente feridas em uma colisão frontal ocorrida na manhã desta quinta-feira (11), na rodovia Jornalista Francisco Aguirre de Proença (SP-101), que liga Capivari a Campinas, na área de Capivari (SP). A tragédia repercutiu em toda a região e foi a maior já registrada no local, segundo órgãos de Segurança que auxiliaram no socorro.
Houve congestionamento de três quilômetros nos dois sentidos e a pista só foi liberada às 10h06. Segundo apurou a Gazeta, às 7h26 os dois veículos trafegavam pela pista. O motorista da Kombi, que estava no sentido Capivari/Campinas, saiu da pista para ultrapassagem, momento em que bateu de frente com o Iveco.
A pista é simples e pouco movimentada, segundo a Rodovias do Tietê, que administra a estrada. A primeira ambulância a chegar no local foi a da Concessionária. A Kombi estava partida ao meio. Do lado de fora, em meio a bagagens, roupas e alimentos, estava um corpo.
O caminhão, dirigido por André César de Campos, 28 anos de idade, único nome de vítima fatal que foi divulgado até o fechamento desta edição, foi parar fora da pista de rolamento. O ferido mais grave foi socorrido pelo helicóptero Águia ao um hospital de Sumaré (SP). Os outros foram levados a hospitais da região. No início da noite desta quinta-feira, a informação dava conta de que uma das vítimas havia sido transferida para a Santa Casa de Piracicaba.
A ocorrência demorou para ser apresentada na Delegacia de Capivari. No socorro estiveram, ainda, seis viaturas do Corpo de Bombeiros, três ambulâncias da Rodovias do Tietê e a Polícia Militar Rodoviária. Capivari teve outra morte, de um homem que foi atingido após explosão na rede de energia elétrica. Foi na área urbana daquele município.