REDE ELÉTRICA
Poda considerada radical assusta os moradores
CPFL observa que realiza somente ações de livramento emergenciais

Por Da Redação

As podas que acontecem em árvores têm surpreendido

Crédito: Christiano Diehl Neto

As podas que acontecem em árvores têm surpreendido

Quinta-feira, 7 de dezembro de 2017
Moradores do Terras reclamam da ‘poda radical’ de duas árvores na praça de entrada do Condomínio, na rua Antonio Cominetti, feita pela Companhia Paulista de Energia (CPFL). A poda ‘desfigurou’ as árvores, disse um residente. "Qual técnica que a Companhia utilizou para podar as árvores?", questionou.
Já a CPFL, por meio da sua Assessoria de Imprensa, respondeu que “realiza somente podas de livramento emergenciais para evitar riscos de danos à rede elétrica e que, potencialmente, possam vir a comprometer a segurança da população e o fornecimento de energia elétrica".
"Critérios técnicos são seguidos para se evitar agressões desnecessárias às árvores. Engenheiros, técnicos e eletricistas da CPFL e de empresas terceirizadas recebem informações teóricas e práticas para executar a poda da maneira mais correta possível”, frisou a empresa.