MASTERS 1000
Federer exibe falta de ritmo, mas avança em Xangai
Tenista disputou seu primeiro jogo em um torneio da ATP

Por Estadão Conteúdo

O suíço bateu com dificuldade o argentino Diego Schwartzman por 2 sets a 0

Crédito: Divulgação

O suíço bateu com dificuldade o argentino Diego Schwartzman por 2 sets a 0

Roger Federer teve um pouco de trabalho, mas confirmou favoritismo em sua estreia no Masters 1000 de Xangai, ao bater o argentino Diego Schwartzman por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/4) e 6/4, em uma hora e 33 minutos de confronto. Com o triunfo na partida válida pela segunda rodada do importante torneio chinês, o suíço garantiu vaga nas oitavas de final e se credenciou para encarar o ucraniano Alexandre Dolgopolov, que se qualificou para a mesma fase.
Segundo cabeça de chave desta competição realizada em quadras duras, Federer disputou o seu primeiro jogo em um torneio da ATP desde quando foi eliminado pelo argentino Juan Martín del Potro nas quartas de final do US Open, no início de setembro.
Depois disso, o suíço participou da Laver Cup, competição amistosa em Praga, na República Checa, onde chegou a formar dupla com o espanhol Rafael Nadal. O atual vice-líder do ranking mundial encerrou a sua campanha no mesmo evento derrotando o australiano Nick Kyrgios por 2 sets a 1, em 24 de setembro, quando fez a sua última partida antes da estreia, em Xangai.
Ainda sem o ritmo ideal por causa do bom período sem atuar em torneios da ATP, Federer chegou a ter o seu saque quebrado por uma vez no primeiro set do duelo com Schwartzman, 26º colocado do ranking, mas também converteu um break point na parcial. Assim, a disputa foi ao tie-break, no qual o suíço foi um pouco melhor e fechou em 7/4.
Já no segundo set, o suíço confirmou todos os seus saques, salvou uma única chance de quebra cedida ao argentino e ainda foi feliz em um de dois break points para abrir vantagem e depois, no décimo game, liquidar a partida com dois aces.
Foi a quarta vitória de Federer em quatro jogos contra Schwartzman, também batido pelo recordista de títulos de Grand Slam na edição de 2014 de Roland Garros e por duas vezes em 2015, no Masters 1000 de Indian Wells e no Torneio de Istambul.
Em outro duelo realizado no final da programação noturna (no horário local) em Xangai, o norte-americano Steve Johnson arrasou o chinês Di Wu por 6/2 e 6/1 e também foi às oitavas de final, fase em que terá pela frente o croata Marin Cilic, quarto cabeça de chave.
Já o sul-africano Kevin Anderson não conseguiu justificar a condição de 11º cabeça de chave na segunda rodada do torneio chinês ao cair diante do alemão Jan-Lennard Struff, que ganhou por 7/6 (7/5) e 7/6 (7/2) e se credenciou para pegar nas oitavas de final o espanhol Albert Ramos-Viñolas.
Demoliner cai nas duplas
Em outro duelo realizado em Xangai, o brasileiro Marcelo Demoliner foi eliminado na segunda rodada da chave de duplas do Masters 1000. Atuando ao lado do italiano Fabio Fognini, ele caiu diante do sul-africano Raven Klaasen e do norte-americano Rajeev Ram com parciais de 6/4 e 7/6 (7/4).